• amplio-moveis
  • templuz
  • casa-e-tintas
  • casa-cor, casa-cor-miami, decoração, ambientes
06 jul

Clássicos do Design Brasileiro: Oscar Niemeyer

Garimpo | Atemporal

Vencedor do Prêmio Pritzker e considerado um dos maiores arquitetos de sua geração, Oscar Niemeyer transportou para suas peças de mobiliário a corajosa modernidade que marcou sua arquitetura.

Mestre em desenhar curvas no concreto armado, o carioca formado pela Escola Nacional de Belas Artes em 1934 rompeu padrões, criou um estilo e desafiou os limites da Engenharia, da Física e quiçá da Quântica. Destacou-se internacionalmente ao projetar o Conjunto Arquitetônico da Pampulha em 1940, em Belo Horizonte, a Casa de Canoas, 1953, no Rio de Janeiro, e os prédios de Brasília em 1960. Colaborou também no grupo de arquitetos que projetou a sede das Nações Unidas em Nova York, nos Estados Unidos.

Mas... Nem só de concreto armado se fez sua obra. Niemeyer trabalhou também com madeira, couro e palha trançada mostrando uma faceta menos conhecida que a do arquiteto: a faceta de Oscar Niemeyer, designer. Na Década de 70, morando na França, desenvolveu móveis com a filha Anna Maria Niemeyer usando técnicas de laminação, colagem e prensagem que carregam os mesmos traços ousados de sua obra.

Para ele, que sentiu necessidade de criar tais peças, "Todos os móveis estão presos ao princípio de que são complementos da arquitetura e devem ser atualizados e modernos como a própria arquitetura". Entre as peças famosas estão a chaise-longue Rio e o banco Marquesa. Todas elas, que não são muitas, possuem um número de série emitido pela Fundação Oscar Niemeyer.

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM
                     

 

 

INSTAGRAM
   Follow Me    ESTAMOS AQUI TAMBÉM