• a-de-arte
  • terra-tile, chuveiro-moxie, chuveiro-moderno, chuveiro-que-toca-musica
  • o-refugio-urbano-de-marina-linhares
  • o-riad-de-roberto-migotto
  • tendencia-marmore-verde
  • lavanderia-pequena
27 jul

O que é Wall Washing?

Garimpo
wall-washing
Living integrado feito pela arquiteta Alessandra Contigli.

Um dos efeitos que eu mais gosto na iluminação é o wall washing. Acho que ele causa impacto, é cênico e muito elegante; um verdadeiro curinga décor. Por isso fui saber da equipe da Templuz um pouquinho mais sobre ele.

O wall washing (encontrei outros nomes, mas escolhi esse), ou banho de luz nas paredes, é um efeito que joga com luz e sombra através de fachos direcionados que varrem o espaço e destacam paredes e volumes, valorizam detalhes arquitetônicos, cores e texturas me conta a equipe de consultoras da Templuz. Pode ser usado em exteriores e interiores de projetos comerciais e residenciais.

Feito com peças direcionáveis; de trilho, embutidos, nos modelos mini dicroica, dicroica, PAR20, PAR30, AR70 e AR111 e suas respectivas lâmpadas, os spots podem estar em cima - jogando o facho de luz de cima pra baixo - ou embutidos no chão - jogando a luz de baixo pra cima, que fica também muito bonito.

ONDE USAR O WALL WASHING?

Nos projetos de interiores que a Templuz tem realizado, esse efeito tem sido solicitado nos mais variados ambientes da casa: no hall de entrada dando boas vindas aos visitantes, no corredor realçando quadros e criando uma passarela bem mais interessante que um corredor "normal", na sala em clima cênico e até nos quartos em cabeceiras da cama. Neste último, porém, deve-se ter um cuidado extra com o posicionamento dos spots, advertem os consultores, para não ofuscar quem estiver deitado. O ideal é que eles fiquem mais próximos à parede, nunca mais que 10 cm, e com o foco totalmente direcionado para ela.

Na parte externa da casa, o wall washing é usado para destacar a fachada e valorizar a arquitetura. Pode também sinalizar caminhos. De qualquer forma, independente do local onde se pretende usar o wall washing, o ideal é que você invista num revestimento bem legal na parede que vai recebê-lo!

Fotos: Jomar Bragança, Gustavo Xavier e web.

wall-washing
Usado na área gourmet pela arquiteta Alessandra Contigli, o wall washing confere sofisticação ao espaço.
wall-washing
O wall washing "varre" a parede destacando o revestimento escolhido.
wall-washing
A sala de jantar feita por Karina Barakat ficou linda com wall washing e iluminação da Templuz.
wall-washing
O corredor feito pela Simples Arquitetura se torna bem mais interessante com o efeito wall washing!
wall-washing
Wall washing no ambiente de Leonardo Pascual Arquitetura, na Casa Cor RJ 2014.
wall-washing
Living do Apê Para Um Pai Solteiro por Mariana Borges e Thaysa Godoy.
wall-washing
A adega do Apê Para Um Pai Solteiro de Mariana Borges e Thaysa Godoy também recebeu wall washing.
wall-washing
Wall washing no living por Mariana Borges e Thaysa Godoy.
wall-washing
O efeito wall washing no quarto, na cabeceira da cama, deve ter alguns cuidados extras, explica a equipe de consultores da Templuz.

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM
                     

 

 

INSTAGRAM
   Follow Me    ESTAMOS AQUI TAMBÉM