• casa-e-tinta; pintura; cor; decor; decoração; lojas-casa-e-tinta
  • centenaria-madeira; madeira; wood; decoração; decor
  • loft-de-pegada-industrial-em-londres; loft; pegada-industral; decor-industral; decor; decoração; loft-em-londres
  • decor-monocromático; cor; monocromatico; decor; uma-cor; tom
  • geladeiras-customizadas; geladeira-samsung; geladeira-bespoke; bespoke; geladeiras; geladeiras-personalizadas
  • 30-itens-para-montar-um-aparador-arrasa-quarteirão; aparador; decoração; itens-para-decorar; aparadores; decoração-de-aparadores
08 abr

Experiência transcendental

Destino

Não bastasse a beleza exuberante da região que inspira turistas, aventureiros e buscadores espirituais, Ubud, capital artística e cultural de Bali, possui ainda um dos mais belos resorts do planeta, o Ubud Hanging Gardens. Em 3,2 hectares, rodeado pela selva, terraços de arroz e com vista deslumbrante para o rio Ayung, o hotel é composto por 38 villas construídas sobre pilares de madeira que desafiam a gravidade. A construção segue o estilo balinês, mas com toques contemporâneos. O conceito desse resort, construído sem derrubar nenhuma árvore e com mão de obra do lugar, é oferecer um espaço mágico e autêntico no coração da selva, mas com todos os mimos e confortos disponíveis nos dias atuais. Todas as suítes têm camas king-size com dossel, tecidos feitos à mão batik de algodão, banheiras e terraços com chuveiros ao ar livre. A decoração usou madeiras preciosas em toda a propriedade, incluindo Merbau para os interiores, Benkirai para o exterior e móveis de madeira com portas esculpidas na tradição balinesa.


ARQUITETURA

Coube a um arquiteto local o projeto. O design do hotel segue os contornos da terra e as copas das árvores servem como guarda-chuvas para as passarelas. A ventilação é natural e sopra uma brisa constante ao longo dos restaurantes abertos e áreas comuns. A intenção foi incorporar a vegetação ao resort, plantando palmeiras, bambu e outras plantas nativas. O projeto também tirou partido da abundância de bambu na região com pérgulas, respeitando a crença tradicional que afirma: estar em um bosque de bambu - a morada favorita de Buddha - restaura a calma emocional e estimula a criatividade. 88 passos ligam a recepção ao restaurante. O caminho, feito com cinzas do vulcão de Monte Batur, um vulcão ativo localizado no centro de Bali, foi construído segundo os princípios do Feng Shui. Mas para quem preferir comodidade, dois teleféricos importados da Nova Zelândia foram personalizados para o Ubud. O primeiro leva os hóspedes desde a recepção até o bar, através de quatro níveis diferentes passando pelas villas, loja boutique e biblioteca. O segundo desce até o River Café e o SPA. Juntos, os dois funiculares circulam pelos oito níveis do hotel através da mais bela e exótica paisagem.


A PISCINA, UMA HISTÓRIA À PARTE

Quase uma obra de arte, a piscina, uma das mais fotografadas do mundo e que consta no ranking das mais belas do planeta, entre estes os da Condé Nast Traveller e Trip Advisor, tem dois andares e borda infinita. Revestida com pedras e cinzas vulcânicas, suas formas orgânicas se debruçam ondulantes sobre a paisagem e jardins feitos com árvores exóticas e arbustos tropicais, como cacau, café, durian, rambutan, lichias e uma variedade de bambus, flores do paraíso e orquídeas.

GASTRONOMIA

O restaurante gourmet do Ubu Hanging Gardens, cinco estrelas, oferece uma mistura de cozinha contemporânea com influências balinesas. Seus ingredientes são colhidos diretamente nos quintais e pomares férteis da propriedade que produz chocolate, baunilha, canela, frutas, coco e capim-limão. O abastecimento de todo o hotel é feito com materiais tradicionais, utilizando os recursos existentes e adaptando ideias indígenas.


Fotos gastronômicas Maxime Coquard e Divulgação

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM
                     

 

 

INSTAGRAM
   Follow Me    ESTAMOS AQUI TAMBÉM