• casa-e-tinta; pintura; cor; decor; decoração; lojas-casa-e-tinta
  • centenaria-madeira; madeira; wood; decoração; decor
  • loft-de-pegada-industrial-em-londres; loft; pegada-industral; decor-industral; decor; decoração; loft-em-londres
  • decor-monocromático; cor; monocromatico; decor; uma-cor; tom
  • geladeiras-customizadas; geladeira-samsung; geladeira-bespoke; bespoke; geladeiras; geladeiras-personalizadas
  • 30-itens-para-montar-um-aparador-arrasa-quarteirão; aparador; decoração; itens-para-decorar; aparadores; decoração-de-aparadores
09 abr

Muito barulho por nada

Projetos | Luxo

Leva assinatura de Rafael Viñoly o novo marco no skyline de Nova Iorque, a torre residencial 432 Park Avenue. Considerada a mais alta do hemisfério ocidental, a obra ocupa o terreno do antigo Drake Hotel, de 1926, que foi demolido. Recentemente o arquiteto uruguaio esteve no centro de duas polêmicas. A primeira por conta do 20 Fenchurch Street, apelidado de walkie-talkie devido ao seu formato com a base menor que o topo do edifício. A torre comercial em Londres foi alvo das mais diversas críticas por causa da fachada envidraçada e côncava que refletia os raios solares em direção à rua provocando incidentes. A segunda diz respeito ao próprio 432 Park Avenue. Seus detratores alegam que com 425,5 m a obra rivaliza em altura com o Empire State, 443 m, e o novo One World Trade Center, 541 m, ameaçando a famosa identidade visual da Big Apple. Polêmicas à parte, o projeto merece respeito. Situado na Park Avenue, entre as ruas 56 e 57, 104 apartamentos e vista de tirar o fôlego, todas as unidades tem pé direito de quase quatro metros e generosas janelas de 3m x 3m que se abrem sobre a paisagem urbana perfeitamente enquadrada. A obra fica no centro de Manhattan e segue a cartilha da arquitetura contemporânea: na questão estética linhas retas, muita luz natural através de grandes vãos e belas visadas. Na questão funcional, todas as comodidades de um grande condomínio de luxo. De suas coberturas pode-se avistar toda a cidade a partir do Hudson até o East River, do Bronx ao Brooklyn e do Central Park ao Oceano Atlântico. O prédio ainda dispõe de um restaurante privativo com terraço ao ar livre, piscina e SPA, sala de projeção/espaço performático, adegas climatizadas, uma sala para crianças e uma sala de reuniões. O preço dos imóveis varia entre 16,95 milhões até 82,5 milhões de dólares.

Fotos: divulgação

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM
                     

 

 

INSTAGRAM
   Follow Me    ESTAMOS AQUI TAMBÉM